Garrone e seus atores no Vaticano: harmonia com o Papa pelo seu olhar para os últimos


O diretor do filme “Io Capitano” fala sobre o encontro do elenco com Francisco e a experiência de trabalhar com os atores: “Muitas vezes me senti um intruso mas depois entendi que a melhor forma era dar-lhes voz”. O intercâmbio em Santa Marta: uma confirmação da “correspondência” entre o olhar do Pontífice para com os migrantes e o espírito com que foi feito o filme, que foi uma experiência de “grande espiritualidade”.


Leia tudo